Tag Archives: filmes

Dica de filme : Historias Cruzadas

the_help01

Jà faz um tempo mas nem tanto tempo assim que eu assisti esse filme no Netflix. Foi uma indicação e por isso eu parei pra assistir e valeu muito a pena! Que filme maravilhoso eu fiquei encantada e muito pensativa também!

Leiam a sinopse

Jackson, pequena cidade no estado do Mississipi, anos 60. Skeeter (Emma Stone) é uma garota da sociedade que retorna determinada a se tornar escritora. Ela começa a entrevistar as mulheres negras da cidade, que deixaram suas vidas para trabalhar na criação dos filhos da elite branca, da qual a própria Skeeter faz parte. Aibileen Clark (Viola Davis), a emprega da melhor amiga de Skeeter, é a primeira a conceder uma entrevista, o que desagrada a sociedade como um todo. Apesar das críticas, Skeeter e Aibileen continuam trabalhando juntas e, aos poucos, conseguem novas adesões.

historias-cruzadas_2011

Porem esse resumo não mostra a profundidade do filme! Eu me apeguei eu me apaixonei eu choquei me assustei e também me surpreendi com os personagens. Ao pensar que existem pessoas realmente assim.

histc3b3rias-cruzadas

 

As mulheres negras possuíam a única e exclusiva função de servir, não havia nenhuma utilidade para uma mulher negra a não ser a de doméstica, e olhe lá. O filme retrata essa situação com perfeição, chega até a dar raiva das branquelas  que tinham a audácia de marcar o papel higiênico dos banheiros com medo que suas empregadas usassem os mesmos banheiros que elas.

HistoriasCruzadas3

(Emma Stone) que é uma jornalista, tentando fugir do esteriótipo de “Mulher”, daquela época, pois até mesmo as mulheres caucasianas sofriam preconceito, esperava-se delas: casar, parir e criar, mas não a Skeeter, ela tinha a ambição de quebrar este dogma. Sua ideia brilhante pra fugir da vida de dondóca? Um livro chamado “The Help”, que contaria a história das empregadas negras, que enquanto as madames não faziam nada, elas estavam lá, trocando a fralda dos filhos, fazendo comida, limpando, passando, engomando, sem nem ao menos saber   pensei que ela fez tudo o que podia pra mudar o panorama em que vivam aquelas pobres mulheres.

emma-stone

 

As domésticas são EXTRAORDINÁRIAS,  no decorrer do filme, fui me envolvendo com as histórias das duas personagens que lideravam o pelotão l, Aibileen Clark e Minny Jacson, Viola Davis e Octavia Spencer, respectivamente, a dupla dinâmica, imbatível e inseparável, atuações excelentes e marcantes do começo ao fim do filme, alternando entre o emocionante e o divertido, cada qual com sua patroa, elas acabam ganhando o seu afeto no decorrer do filme.

captura-de-tela

Logo no quadro inicial de Histórias Cruzadas, somos apresentados à personagem Aibileen Clark (Viola Davis, espetacular). Naquele momento, uma das primeiras frases ditas por ela define exatamente como é a sua vida e as das outras domésticas que surgirão ao longo do filme.

“Eu sou uma empregada, minha mãe foi empregada e minha avó foi uma escrava caseira”, ela diz.

Tudo nas vidas daquelas mulheres negras gira em torno dessa realidade: a conformidade com a condição imutável de que suas existências se resumem a trabalhar nas casas de patrões brancos, preparando suas refeições e cuidando de seus filhos.

Elas estão ali para servir. São uma parte invisível das famílias de seus empregadores. Mas uma parte que jamais é totalmente aceita. Afinal, são mulheres. E pior: são negras – a característica imperdoável para os brancos que viviam na cidade de Jackson, Estado do Mississipi, ao longo dos anos de 1960, local e época nos quais a obra se desenrola.

“Histórias Cruzadas” trata de dois temas difíceis: a total incapacidade de mudar o rumo da própria vida e a estupidez humana ao segregar um semelhante apenas pela cor da sua pele. No entanto, mesmo lidando com assuntos áridos, a película é uma obra simples, direta e – pelo menos na maior parte do tempo – leve. E talvez essa simplicidade seja sua maior qualidade.

historias-cruzadas-9 historias-cruzadas-papo-de-cinema-01

 

Vale quanto  (0 a 10)?

9.5

Tem no netflix essa é minha dica de filme para esse fim de semana.